Assistir UFC 235 Jon Jones x Anthony Smith ao vivo online 02/03/2019

Assistir UFC 235 Jon Jones x Anthony Smith ao vivo online 02/03/2019

2 de março de 2019 0 Por Futebol Hoje

Assistir UFC 235  Jon Jones x Anthony Smith ao vivo online grátis – Combate – 02/03/2019

 

Assistir UFC Jones x Anthony Smith ao vivo hoje  – Horário: 20:30h – Transmissão: Combate

 

UFC 233 Jon Jones x Anthony Smith ao vivo – Neste sábado (dia 2), acontece na T-Mobile Arena, em Las Vegas (Nevada), o UFC 235: Jones x Smith; que terá como atração principal a disputa do título dos meio-pesados, entre c. Jon “Bones” Jones e #3 Anthony “Lionheart” Smith.

JONES X SMITH

Após todo o seu passado conturbado envolvendo problemas judicias e polêmicas envolvendo a USADA (Agência Americana de Antidoping), chegando a ter seu nocaute sobre c. Daniel Cormier (UFC 214) não contabilizado e posto de campeão destituído. Jones voltou a pôr as mãos em seu “antigo” cinturão após a vitória contra o sueco #2 Alexander Gustafsson, em revanche no UFC 232, em dezembro do ano passado.

O segundo colocado no ranking peso-por-peso do evento procura se consolidar novamente e não deixar dúvidas de sua soberania e domínio absoluto na divisão até 93kg. Dispensando apresentações, Jonathan Dwight possui 23 vitórias (10 nocautes, 7 decisões e 6 finalizações), 1 derrota (desqualificação por aplicar golpes ilegais) e 1 não contabilizada (vitória anulada após cair no antidoping). Suas vítimas são talvez a sequência de oponentes mais ingrata que qualquer lutador pudesse desejar, mesmo assim Jones prevaleceu sobre todos, entre os nomes estão: Gustafsson (x2), Cormier (ex-campeão meio-pesado e atual campeão peso-pesado), #11 Glover Teixeira, Lyoto Machida, Rashad Evans, Rampage Jackson, #13 Maurício “Shogun”Rua, Ryan Bader (atual campeão do Bellator), #12 Ovince St. Preux, Chael Sonnen e Vitor Belfort.

Embora recém-chegado na categoria, Smith é um desafiante legítimo. Após subir dos pesos-médios, o “Coração de Leão” encaixou uma sequência de três vitórias notáveis na divisão de cima. Nocauteando o veterano Evans no UFC 225, Shogun no evento principal de um Fight Night na Alemanha e por último #5 Volkan Oezdemir, em uma luta extremamente intensa, finalizou o suíço ex-desafiante e logo após na entrevista pós-luta pediu pela chance de lutar pelo título. O atual meio-pesado esteve na posição de azarão e mais uma vez se encontra nela, caso ganhe, talvez seja a maior zebra da história do MMA, sendo Jones considerado por muitos o melhor de todos os tempos e Smith talvez o desafiante mais inofensivo e menos perigoso que já tenha enfrentado.

Um ano mais jovem, porém, com o dobro da experiência do campeão, o ex-Bellator possui 44 lutas, 31 vitórias (17 nocautes, 11 finalizações e 2 decisões) e 13 derrotas (8 nocautes, 4 finalizações e 1 decisão). Já derrotou o ex-campeão peso-médio do Bellator, Herctor Lombard, porém, já foi batido pelos brasileiros Thiago Marreta, Cezar Mutante e Roger Gracie.

WOODLEY X USMAN

A co-luta principal será mais uma disputa de cinturão, dessa vez do peso-meio-médio (até 77kg), entre c. Tyron Woodley e #2 Kamaru Usman.

Woodley é um dos atuais campeões mais dominantes do Ultimate. Sem perder desde 2014, Tyron conquistou seu posto em julho de 2016, ao nocautear #6 Robbie Lawler ainda no primeiro round. Desde então, defendeu o título três vezes e protagonizou um empate.

Dentre os maiores nomes que já venceu estão: #4 Stephen “Wonderboy” Thompson, #8 Demian Maia, #3 Darren Till, Carlos Condit (ex-campeão interino) e Kelvin Gastelum (atual #4 dos médios e próximo desafiante).

Usman talvez seja seu maior desafio em muito tempo. Oito centímetros mais alto (1,83m) e com uma envergadura maior (5 centímetros de vantagem, 1,93m), campeão nacional de wrestling e do TUF 21, sem contar a rixa pessoal, o “pesadelo nigeriano” vem a ser uma dor de cabeça para o campeão, como muitos especialistas tendem a apontar. Possui 14 vitórias (7 decisões, 6 nocautes e 1 finalização) e 1 derrota (finalização). Foi algoz dos brasileiros #5 Rafael dos Anjos e Demian Maia.

ROBBIE LAWLER X BEN ASKREN

Outra luta que chama atenção é a estreia de Ben Askren contra o ex-campeão, Robbie Lawler. Askren foi um wrestler olímpico, campeão nacional na categoria, ex-campeão do Bellator e ex-campeão do ONE FC.

Askren decidiu migrar da luta greco-romana para o MMA em 2009, obteve sucesso e logo estreou no Bellator, foi campeão peso-meio-médio por quase três anos e abandonou a organização. Assinou com o evento asiático ONE FC e fez sua primeira luta em Singapura, em maio de 2014, na segunda luta se tornou campeão e defendeu o título por três vezes, até decidir se aposentar em novembro de 2017 por falta de competitividade.

O norte-americano sempre demonstrou uma certa facilidade em derrotar a maioria de seus adversários, com um jogo praticamente imbatível se manteve invicto por toda a sua carreira. Porém, sua relação com Dana White (presidente do UFC), nunca foi uma das melhores. Dana nunca demonstrou interesse em ter Askren na sua folha de pagamento e já chegou a afirmar que o estilo de luta do mesmo é extremamente entediante. Após desistir de embarcar no Ultimate, o meio-médio começou a retrucar as “ofensas” e fez duras críticas à White e a empresa que já foi pertencente a Zuffa. O ponto mais importante foi provar que se podia obter sucesso profissional e financeiro fora da maior organização de MMA do mundo.

Isso perdurou até Demetrious Johnson, ex-campeão peso-mosca, perder. Perder para c. Henry Cejudo por decisão dividida no UFC 227, após seis anos de invencibilidade e uma sequência de 12 vitórias interruptas. O treinador de Johnson, Matt Hume, percebeu o descontentamento de seu atleta em permanecer no evento de Dana White e ânsia por deixar o solo americano e testar novos ares e um novo público (já que foi o campeão mais rejeitado pela audiência norte-americana em toda a história). Então, Hume (além de treinador é também um dos sócios-executivos do ONE FC) propôs à White uma troca, Johnson por Askren (que mesmo após toda animosidade, chegou a lamentar ter se aposentado sem poder se testar no Ultimate). E o impossível aconteceu. Na primeira coletiva de imprensa, já chegou “causando” e chamando atenção, pediu pela criação da categoria até 74kg e um confronto com c. Khabib Nurmagomedov, por seus estilos serem semelhantes.

Do outro lado do octógono terá o perigoso e “impiedoso”, Robbie Lawler, porém, que se encontra em uma fase não tão boa. Askren possui 18 vitórias (7 decisões, 6 nocautes e 5 finalizações) e 1 luta sem resultado. Lawler possui 28 lutas (20 nocautes, 7 decisões e 1 finalização) e 12 derrotas.

VALE A PENA FICAR DE OLHO

Ainda no card principal, o ex-campeão peso-galo, #2 Cody Garbrandt, enfrenta o brasileiro #9 Pedro Munhoz. No peso-pena, #6 Jeremy Stephens enfrenta o russo e estrela em ascensão, #13 Zabit Magomedsharipov. E o recente fenômeno nacional meio-pesado, #15 Johnny Walker, testa-se contra um desafio real, o letão-canadiano, #14 Misha Cirkunov.

Transmissão na TV – UFC 235: Só o canal Combate transmite todas as lutas

Assistir UFC 235 ao vivo na Globo: Nenhuma luta do UFC de hoje vai ter transmissão na Globo – nem reprise

Confira mais eventos do UFC 

Como assistir ao UFC 235 ao vivo grátis pela Internet: No link a seguir, na página de MMA – UD Mundo das Lutas, você encontrará links para assistir – Links nacionais e internacionais. Um pouco antes do vento começar, entre aí e escolha um link – é grátis

   Assistir UFC Jon Jones x Anthony Smith:

Links nacionais e internacionais  estão nesta página de MMA no Facebook: UD MMA – Mundo das Lutas

Futebol Hoje ao Vivo Assistir UFC 235 Jon Jones x Anthony Smith ao vivo online 02/03/2019 UFC

 

Resultados das lutas do UFC 235 – Confira aqui

UFC 235

2 de março de 2019, em Las Vegas (EUA)

CARD PRINCIPAL (0h, horário de Brasília):

Peso-meio-pesado: c. Jon Jones x #3 Anthony Smith

Peso-meio-médio: c. Tyron Woodley x #2 Kamaru Usman

Peso-meio-médio: Ben Askren x #6 Robbie Lawler

Peso-palha: #7 Tecia Torres x #15 Weili Zhang

Peso-galo: #2 Cody Garbrandt x #9 Pedro Munhoz

CARD PRELIMINAR (20h30, horário de Brasília):

Peso-pena: #6 Jeremy Stephens x #13 Zabit Magomedsharipov

Peso-meio-pesado: #15 Misha Cirkunov x #14 Johnny Walker

Peso-galo: #13 Alejandro Perez x #12 Cody Stamann

Peso-meio-médio: Diego Sanchez x Mickey Gall

Peso-médio: Charles Byrd x Edmen Shahbazyan

Peso-galo: Gina Mazany x Macy Chiasson

Peso-palha: Polyana Viana x Hannah Cifers

 

Assistir  UFC 235 Jon Jones vs Anthony Smith ao vivo grátis 02/03/2019, Assistir  UFC 235 ao vivo online em HD, UFC 235 ao vivo ao agora , Combate ao vivo , SporTV, Premiere PFC, Ver Jogo UFC 235 ao vivo hoje, tempo real real UFC 235 Jon Jones x Anthony Smith, resultado,  UFC 235 Jon Jones x Anthony Smith youtube 02/03/2019, Em directo, ver en vivo

Relacionados