Neymar rebate críticas na primeira fala com a imprensa na Rússia

Neymar rebate críticas na primeira fala com a imprensa na Rússia Copa do Mundo da Rússia Noticias Seleçao Brasileira
Compartilhe
  • 15
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    15
    Shares

Neymar rebate críticas na primeira fala com a imprensa na Rússia - "Só sofro a dor"

 

Depois da vitória do Brasil por 2x0 sobre o México, pela primeira vez depois que chegou na Rússia Neymar falou com a imprensa, o craque do PSG foi autor do primeiro gol e participou do segundo, ele foi cuidadoso com as palavras. Mas nem tudo que queria falar conseguiu, quando foi perguntado na coletiva sobre uma declaração do técnico Osório reclamando da demora naquele pisão do jogador mexicano em Neymar, Tite não deixou ele responder. Veja abaixo as principais falas de jogador após o jogo:

“Não quero que seja a Copa do Neymar, quero que seja a Copa do Brasil. O coletivo é mais importante. Fico feliz por fazer parte desse grupo. Certeza de que esse time pode chegar muito longe”.

“Falar das faltas que recebo, isso é complicado, não é uma coisa que cabe a mim. Só sofro a dor. Tomei um pisão desleal, da minha parte acho que fora da jogada, fora do campo. Acho que não pode. Mas é isso, eles falaram demais antes da partida e foram embora para casa”.

Sobre o pisão que Neymar de fato recebeu - as imagens não mentem - o técnico Carlos Osório, treinador do México, disse:

“Acho que é uma vergonha para o futebol que se perca tanto tempo com um só jogador. Acho que a veemência que jogamos no primeiro tempo parou na arbitragem. Cada situação de jogo demorava muito. Uma delas demorou quatro minutos”, disse Osório.

E emendou: “Não é um exemplo para o futebol e para as crianças que veem o futebol. É um jogo de homens, como em outros esportes, e não há espaço para tanta palhaçada. Me incomodaram as atitudes de quem tinha as ações de jogo.”

Tite, que não deixou Neymar responder sobre as declarações de Osório, mais a frente, na entrevista coletiva, respondeu ao jornalista:

“Eu não vou responder ao Osorio, eu vi o lance. Todos que estão me assistindo tirem sua conclusão, o vídeo está aí. Imagem não questionamos. Neymar joga bola. Não pisa, e pisaram nele. Eu estava do lado, e vi de novo pela televisão. Não precisa falar, é só olhar. Ele tem que jogar bola, eu falo, a direção fala, o árbitro apita. Cada um faz a sua e vamos embora”.

Como era de se esperar, Neymar seria destaque dentro e fora de campo, pois tem muita gente que prefere ver o diabo do que Neymar em campo, vão tentar fazer de tudo para prejudicar seu futebol em campo.

Na entrevista coletiva, uma repórter falando em português perguntou a Neymar como ele lida com essas críticas - de cai cai,por exemplo - e até que ponto essas críticas são justas, ele respondeu:

“Eu acho que é para tentar minar do que qualquer outra coisa. Eu não ligo muito para críticas, às vezes nem mesmo para o elogio. Isso pode influenciar a cabeça do atleta. Esses últimos dois jogos eu não falei com a imprensa porque eu não queria polêmica, tem muita gente falando, uns se alteram, não sei se querem aparecer”.

Após essa resposta, Neymar finalizou com a frase abaixo, cumprimentou Tite, levantou e foi embora.

“Eu só tenho que jogar futebol, ajudar minha equipe, eu vim para ganhar, não para outra coisa”.

Relacionados